Páginas

21.7.16

Cassi acerta parcerias em defesa da promoção de saúde no Amazonas


Cassi, Super, Gepes e Sesmt Amazonas em parceria.

Olá companheir@s, amig@s e colegas do Banco do Brasil,

Dando sequência ao planejamento da Diretoria de Saúde e Rede de Atendimento para 2016, quando definimos buscar parcerias em defesa da promoção de saúde e prevenção de doenças, atuando para melhorar o nível de informações junto à comunidade BB sobre a Cassi e seu funcionamento, nesta quarta 20, estivemos em Manaus para cumprir essa agenda de fortalecimento de nossa entidade e de seu Modelo de Atenção Integral à Saúde e Estratégia Saúde da Família (ESF).


Cassi e Banco do Brasil no Amazonas

Na reunião com a Superintendência do Banco do Brasil do Estado do Amazonas, juntamente com a Gepes e o Sesmt local, abordamos a importância do papel do patrocinador BB na parceria na área de comunicação, tanto por meios informativos de mídia eletrônica (exemplo: Intranet) como também para reuniões da Cassi nos locais de trabalho abordando temas como o modelo de saúde, ESF, os benefícios de ter a Cassi como referência para orientações em saúde, as perspectivas favoráveis de manutenção da qualidade de vida de pessoas acometidas de doenças crônicas quando acompanhadas e monitoradas por nossas equipes de saúde e demais questões técnicas.

Também debatemos questões afetas ao Programa de Controle Médico e Saúde Ocupacional (PCMSO), que inclui os Exames Periódicos de Saúde (EPS). A Cassi tem convênio com o BB para executar este importante programa.

A superintendência fez sugestões positivas para que a Cassi esteja nos eventos do banco no Estado e para que a entidade de saúde tenha agendas de visitas aos locais de trabalho para trazer o tema saúde para o dia a dia do funcionalismo. No Amazonas, Cassi e BB já atuam com bastante parceria.

Na agenda com o Banco estava prevista também a participação de representação do sindicato de bancários local, mas a entidade não conseguiu enviar um representante por outras demandas sindicais no dia.

Reunião com Conselho de Usuários da Cassi AM.

Diretor de Saúde se reúne com o Conselho de Usuários da Cassi AM

Também estivemos reunidos com as conselheiras e conselheiros de usuários da Cassi Amazonas para falar a respeito da agenda de trabalho da Diretoria que somos responsáveis, para prestar conta do trabalho que temos realizado para fortalecer a participação social em nossa entidade. Os conselheiros são voluntários e realizam um trabalho muito importante para os associados e para a Cassi.

Na reunião de quase 3 horas, pudemos ouvir bastante os nossos conselheiros, tirar dúvidas, ouvir sugestões, esclarecer o funcionamento de programas e linhas de cuidado da Cassi, que estão sob nossa responsabilidade como, por exemplo, o Programa de Assistência Farmacêutica (PAF), e explicar diversas questões sobre uma das áreas que mais trouxe debate: as dificuldades na área de Rede Credenciada. Por fim, falamos a respeito das negociações entre o Banco e a Comissão Negociadora das entidades representativas do funcionalismo.


Post Scriptum 01:20h de sexta 22/7/16:
Equipe Cassi Amazonas e CliniCassi Manaus. (eu não tinha conseguido
subir esta foto na hora que publiquei a matéria no Aeroporto de Manaus)

Diretoria de Saúde e Rede de Atendimento presente nas bases sociais

É a terceira vez que pude visitar o Amazonas para fortalecer a nossa Caixa de Assistência levando o melhor nível de informação possível para os associados, entidades representativas, Banco do Brasil e lideranças locais.

Também fizemos uma excelente reunião de trabalho e gestão com nossa equipe de funcionários da Cassi Amazonas. Nós temos um carinho grande pelos trabalhadores da Cassi, que nos acolhem e cuidam de nós associados e familiares com uma dedicação sem igual.

Deixo meu agradecimento aos funcionários da Cassi e às lideranças de todas as entidades, ao BB e aos conselheiros de usuários pela forma gentil que fomos recepcionados e pelo excelente nível de debates e parcerias que estamos construindo em defesa da Cassi e de nosso modelo de saúde.

Sabemos que temos uma questão de déficit a resolver e isso está em debate em mesa apropriada para isso, mas a Cassi e o nosso trabalho não pode parar porque cuidamos da saúde de mais de 700 mil vidas ao longo do ano e a nossa entidade de saúde é a maior autogestão do país.

Abraços a tod@s os meus pares da classe trabalhadora.

William Mendes
Diretor de Saúde e Rede de Atendimento (eleito mandato 2014/18)

Nenhum comentário: